Boletim Informativo

Cadastre seu e-mail abaixo e receba nossos informativos:

» » » » Como perder bons funcionários

Por Monica Souza,


Cada vez é se torna mais importante à valorização do capital humano para a manutenção de bons profissionais nas organizações e essa valorização não é estimulada apenas por remuneração, até porque esse deixou de ser um diferencial do mercado profissional.

O que realmente aconteceu é que o profissional mudou. Hoje ele quer ser visto, ter oportunidade de crescimento e principalmente viver bem! Corre atrás de condições para que isso ocorra, por isso vemos o mercado aquecido e profissionais cada vez mais qualificados brigando por uma recolocação, muito deles empregados.


O que aconteceu é que essa tal geração Y percebeu a força que tem dentro do ambiente corporativo e já não se prende tanto como antes, seus anseios não são só o sustento, querem qualidade de vida, bons benefícios, plano de carreira.


Hoje, um profissional busca oportunidades pelos benefícios que lhe são oferecidos, salário é uma conseqüência do desenvolvimento profissional.Mudar para a empresa e evoluir suas políticas passou a ser um planejamento para a sobrevivência, seja ela pequeno, médio ou grande porte. Algumas ainda relutam e perdem profissionais extremamente experientes que o mercado agarra com prazer.


E ao contrário do que muitos dizem, há alguns colaboradores que são insubstituíveis sim e repor a experiência e o conhecimento é impossível a não ser se esteja desposto a investir alto... Muitos não estão, e trocam 12/6 e esse com certeza é um grande salto para afundar uma empresa. 


Segue mais algumas dicas para futura falência.


1° Não valorize seus colaboradores, deixe-os na zona de conforto, mostre quão insignificante é a sua presença na empresa.


2° Invista na desorganização e na falta de comunicação, com certeza você terá pessoas desmotivadas e sem rumo trabalhando de forma descontrolada pra você.


3° Pra que valorizar pessoas. O negócio e dar resultados, esqueça os processos, busque os números. RH é pra processos de admissão e demissão quem move a empresa são os vendedores.


4° Sempre que existir uma vaga em aberto contrate alguém do mercado, afinal nem vale a pena verificar se há alguém preparado que possa ser promovido, isso nem motivará e renovará as expectativas dos outros.


5° Nunca aceite opinião, não se interesse pelas idéias dos seus colaboradores afinal eles nunca estarão contentes.


6° Priorize os trabalhos individuais assim eles não terão tempo para falar mal da empresa.


7° Não tente reciclar ninguém, se o profissional não deu certo em um determinado setor o problema é com ele, colocá-lo em outro departamento ou verificar seu perfil são perca de tempo.


8° Não mostre interesse caso ele esteja estudando ou buscando conhecimento já tem um cargo. Será que esta procurando outro emprego.


9° Esse negócio de confraternização, lembrancinhas em datas especiais é balela e só serve para promover a bagunça.


10° Considerações finais:Não sei se percebeu que o foco desse manual fala de ‘’pessoas’’e que elas regem sua empresa e crescimento, então se de tudo que está escrito aqui nada serviu para que você reaja e mude seus velhos conceitos de ‘’gestão’’, esqueça tudo que você viu e encare a realidade meu caro. Sua empresa já faliu!


Monica Souza, Assistente de Recursos Humanos, Graduada em Administração de Recursos Humanos pela Unisantanna.

Postador Vanderlei Moraes

«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe uma resposta

Primeiramente obrigado por acessar o Portal Gestão de Pessoas, e por participar deixando seu comentário ou pergunta.

Caso seja necessário estaremos moderando e respondendo seu comentário e/ou pergunta. Seja cordial no que escrever e veja se sua dúvida já não foi questionada e respondida em outros comentários ou artigos no site.

Agradecemos sua visita e volte sempre!

Vanderlei Moraes
Administrador do Portal