Boletim Informativo

Cadastre seu e-mail abaixo e receba nossos informativos:

» » » » Retenção de Talentos: Como segurar a Geração Y?

Retenção de Talentos: Como segurar a tal Geração Y?

Vocês já pensaram como deve ser difícil para as empresas criar uma política de retenção com essa galera altamente dinâmica?

Tarefa difícil hein!

Tenho percebido que algumas empresas já estão adotando práticas para adaptar-se a estes perfis, que por sinal, são bem talentosos e com futuros muito promissores para os negócios, afinal, já temos relatos de muitos Gestores e Empreendedores Geração Y.

E como não perder estes talentos? Será que somente a aplicação de políticas de Remuneração e Benefícios é suficiente?

Ai é que mora o engano!!!

Para muitos profissionais a segurança de um salário compatível ou acima do mercado, remuneração variável, e o alinhamento de benefícios fora dos padrões comuns (refeição, assistência médica e odontológica, transporte e seguro de vida), já não são atrativos para manter-se em seus empregos. Conheço empresas que possuem programas de retenção que permitem você receber descontos em lojas de roupas e eletrônicos, é só apresentar o crachá na hora do pagamento.

Mas só isso não é mais suficiente!!!

Falam que a galera da Geração Y troca de empresa como trocam de roupa, mas é perceptível a influência do perfil destes novos talentos altamente competitivos no mercado. Hoje a preocupação destes jovens está em buscar empresas compatíveis com os seus valores psicossociais, que possuam um ambiente de trabalho dinâmico e em constante mudança motivando-os de diversas maneiras. Pode parecer besteira, mas a simples preocupação em fornecer uma cadeira ergonômica para alguns, pode fazer uma grande diferença para outros. Essa é a evolução do conceito de padronização.

Eu posso ouvir minha música enquanto trabalho?

iPods, iPhones, Celulares, Smartphones e até Tablets, já fazem parte da rotina dessa geração high tech, e não adianta repreender isso. 61% dos jovens americanos e ingleses dizem que a tecnologia que usam em casa é melhor que a do trabalho. Vocês tem dúvida desse dado? As inovações no ambiente de trabalho acontecem em uma lentidão muito diferente da experiência de vida destes jovens devido ao boom da internet e tudo o que veio após ela. Ainda existe escritório com máquina de escrever!!! Isso é decepcionante!!! Telefone de disco!!! Dá para acreditar???

Nós não somos um bicho, somos compreensíveis e podemos trazer resultados muito significativos para o seu negócio!!!

Recentemente entrou em vigor a portaria 1015 do ministério do trabalho com objetivo de regularizar horário de entrada e saída do ambiente de trabalho, factível em função de uma série de questões trabalhistas, mas este não é o ponto.

Me passa pela cabeça que tais legisladores desconhecem a realidade de grandes cidades como São Paulo e Rio de Janeiro, e nem vou falar de práticas de Gestão de Recursos Humanos neste momento, pois este assunto eu quero explorar melhor em outra oportunidade.

Então morre a tal da flexibilidade de horário???

Theo van der Voordt, pesquisador de tendências em interações sociais prevê que o escritório do futuro será uma rede de ambientes de trabalho, incluindo uma grande variedade de locais: sua empresa, sua casa e lugares como café, o escritório do cliente e um centro comunitário.

Taylor, Fayol, Ford, percursores do conceito de linha de produção, tinham essa visão de organização pela sistematização da época. Hoje na Era do Conhecimento, o que deve ser valorizado são as questões humanas e a influência delas na eficiência e eficácia dos negócios.

No livro Marketing 3.0, Philip Kotler aborda o conceito de Valores com uma visão totalmente inovadora. E nós nos questionamos, o que o “Pai do marketing” tem a ver com Recursos Humanos? Essa é uma quebra de paradigma e de barreiras departamentais que já começam a chegar até o nível da sociedade. Parece que o termo Stakeholders começa a ser compreendido de verdade.

As empresas de TI são um exemplo dessa revolução. Vejam o Google, onde você pode jogar sinuca a hora que quiser e tirar um cochilo em uma rede após o almoço.

- Olá, você será cobrado por resultado!!!
- Mas é isso que eu quero, eu sou Geração Y!!!

Você já pensou em se candidatar a uma vaga no Google? Twitter, Facebook, Apple, Skype, blá, blá e blá?

Essa semana conversando com um amigo, uma pessoa que admiro muito por ser um Jovem Empreendedor da área de TI e que também é membro da Geração Y, me relatou que ele fez questão de criar um ambiente de descontração em seu escritório na Vila Olímpia. Ele colocou uma TV LCD com Wii e poltronas para seus colaboradores. Parece simples não? Especialistas confirmam que a cada hora de trabalho, precisamos de no mínimo cinco minutos de descanso. Isso aumenta a nossa produtividade!

Me deixa tomar o meu café com meu amigo que está em New York (via Face Time do iPhone).

Por trás de um perfil “aparentemente” sem muita maturidade, existe uma série de fatores vantajosos que favorecem a relação Geração Y/Empresa – Empresa/Cliente.

Vamos olhar lá na frente, pois estes jovens serão os futuros Gestores, Executivos, Diretores, Superintendentes, Presidentes, ou talvez, CIO’s, CEO’s, CSO’s, como preferirem intitulá-los (é provável que estes termos mudem num futuro próximo).

Muitos livros de Administração serão reescritos, teorias esquecidas ou alteradas; novos conceitos surgirão e serão estudados por outras gerações; nascerão novos perfis de empreendedores, administradores, perfis filosóficos, políticos.

Uma revolução está por vir e não dá para continuar pensando dentro da caixa.

Preparem-se para a Guerra, eis a Competitividade!

Os jovens da Geração Y só querem ser eles mesmos e vocês podem se beneficiar disso!

Até a próxima!

Francisco Albuquerque

Postador Francisco Albuquerque

«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe uma resposta

Primeiramente obrigado por acessar o Portal Gestão de Pessoas, e por participar deixando seu comentário ou pergunta.

Caso seja necessário estaremos moderando e respondendo seu comentário e/ou pergunta. Seja cordial no que escrever e veja se sua dúvida já não foi questionada e respondida em outros comentários ou artigos no site.

Agradecemos sua visita e volte sempre!

Vanderlei Moraes
Administrador do Portal